H1N1: O vírus da “gripe suína” (gripe A): atualização

A OMS

A “Organização Mundial de Saúde” (OMS) alertou que todos os países do mundo devem preparar-se para os piores cenários, sendo muito provável que o atual surto de “gripe suína” se torne numa pandemia mundial. Os maiores receios dos especialistas prendem-se não somente com a forma atual do vírus, mas naquilo em que este se pode rapidamente transformar, uma transformação que é tanto mais provável quanto maior for o universo dos infectados, algo que não tem parado de crescer nos últimos dias… O nível de alerta da OMS permanece em 4, mas este poderá subir ao nível 5 (numa escala em que o máximo é 6), ainda hoje, após a reunião que terá lugar esta noite. A passagem para o nível 5 é muito importante, já que segundo Gregory Hartl, porta-voz da OMS, o nível atual de 4 é crítico já que delimita o ponto em que uma transmissão viral em larga escala se tornou autosustentável ou entra em declínio. Estando a passagem para o nível dependente da evolução da situação nos EUA.

O QUE É O H1N1?

O H1N1 é uma mistura genética que deriva da há já muito antecipada Gripe das Aves, com material genético da gripe humana e da gripe suína, razão pela qual recebe a designação algo incorreta de “gripe suína”, estando neste momento uma equipa da FAO no México estudando a origem desta mutação e procurando antecipar se poderão surgir em fontes suínas novas mutações, ainda mais virulentas, sabendo-se já, segundo Joseph Domenech desta organização, que o H1N1 é um vírus “com grande capacidade para mutar”. O progresso da doença no México parece ter entretanto abrandado, segundo o perito da FAO… algo que terá que ser confirmado nos próximos dias.

IMPACTO NO MUNDO

A História ensina que este tipo de pandemias são sempre mais graves e de maior amplitude nos países em desenvolvimento. Isso mesmo está já a acontecer com a “gripe suína” com um impacto desproporcionalmente elevado no sub-desenvolvido México, país onde além de um bebé recentemente falecido nos EUA é o único a conhecer ainda vítimas mortais. Até ao momento haverá 159 prováveis mortos e cerca de 1600 pacientes em observação no México, para além de vários casos confirmados na Alemanha, África do Sul, Espanha (10 casos na Catalunha, já com um contágio indireto), Canadá, Croácia, Reino Unido, Brasil, Coreia do Sul, França, Guatemala, Israel, Nova Zelândia, uma lista que cresce a cada momento e que no momento da redação destas linhas já estará certamente desatualizada. Nos EUA existem 64 casos confirmados, mas receia-se que possam existir várias centenas de infectados, especialmente entre os alunos de escolas novaiorquinas que visitaram recentemente o México.

Os mapas atualizados sobre a distribuição da pandemia podem ser consultados aqui: http://www.eiss.org/html/maps.html e em
H1N1 Swine Flu é possível – usando o Google Maps observar marcadores roxos que indicam os casos confirmados da doença, e rosa indicando os casos suspeitos. O agregador deTwitters, Tweetmeme, também fornece dados sobre a disseminação da Pandemia em http://outbreak.tweetmeme.com.

A RESPOSTA À PANDEMIA

Obama já requereu ao Congresso a aprovação de uma verba extraordinária de 1500 milhões de dólares para financiar a resposta ao H1N1. No Reino Unido, Gordon Brown declarou numa visita a Varsóvia que haveria reservas suficientes para tratar metade da população, sendo atualmente um dos países mais bem preparados do mundo para lidar com esta pandemia. O Foreign Office britânico está a desencorajar viagens ao México e estabeleceu sistemas de monitorização nos seus aeroportos.

Na Austrália, as autoridades impuseram medidas a todos os voos vindos do continente americano obrigando o comandante do voo a reportar às autoridades sanitárias o estado de saúde dos passageiros transportados, antes de receber autorização para aterrar. A tripulação deverá também avisar os passageiros para contacarem os serviços de saúde caso sintam alguns sintomas gripais.

A França pediu à União Europeia a convocação de um conselho extraordinário de ministros de Transportes que decrete a suspenção de todos os voos comerciais para o México, de forma a bloquear a chegada de novos casos ao continente europeu,

Na Cidade do México, as autoridades municipais declararam o fecho de restaurantes, bares, cafés e discotecas e a federação mexicana de futebol impôs que todos os jogos sejam realizados à porta fechada.

O vírus transmite-se de pessoa a pessoa e a proibição de importação de carne suína dos EUA e do México decretada pela Rússia não tem fundamentos científicos e é apenas mais um capítulo da birra russa a propósito do apoio da NATO à Geórgia durante o conflito do ano passado.

Entretanto, o facto do vírus da “gripe suína” incluir código genético do vírus da gripe humana pode estar a contribuir para um futuro abrandamento da pandemia, já que poderão existir bastantes pessoas que têm imunidade natural ao vírus e dado que descende de um vírus conhecido irá reduzir a dificuldade de produzir uma vacina para o vírus, um trabalho em que já estão febrilmente empenhados vários laboratórios farmacêuticos em todo o mundo, aliciados pelos imensos retornos financeiros que tal vacina traria… Segundo Pedro Simas, do Instituto Gulbenkian, o virus não terá “um grande impacto” porque “agora estamos antigenicamente melhor preparados porque já circula na população humana o subtipo H1N1 e estou mais optimista em relação ao impacto que poderá ter, porque, ao propagar-se nos humanos, o vírus adapta-se mais e perde virulência” mencionando ainda o especialista que como nos encontramos no fim da época da gripe no hemisfério norte haverá tempo para desenvolver a dita vacina e produzir mais antivirais e máscaras (a forma mais eficaz de combater o contágio).

Como os números atuais indicam uma mortalidade próxima dos 2% por grupo infetado, a extrapolação desta percentagem para grandes países, como os EUA, um dos mais afetados isto poderia produzir um número de mortos superior a 2 milhões… idêntico valor, mas em escala bem maior para países como a China, onde há já vários casos suspeitos. Em 1918, a “gripe espanhola” afetou quase 30% da população norte-americana, hoje, os antivirais e o uso de máscaras reduziria esta percentagem de doentes, mas o número chegaria para sobrecarregar os hospitais de qualquer país desenvolvido…

PORTUGAL

O caso suspeito de infecção pelo H1N1 registado no Porto não se confirmou. Mas o governo assegurou que existem em reserva 2,5 milhões de doses de medicamentos antivirais. Cobrindo bem menos que os 50% britânicos, mas oferecendo uma cobertura maior que muitos países mais desenvolvidos… Estes medicamentos foram comprados em 2005, no auge da preocupação pela erupção de um surto de “gripe das aves”, apesar da atitude negacionista dos neoliberais residentes no Blasfémias.

As reservas de antivirais portuguesas são de Oseltamivir, que segundo a OMS será o medicamento mais eficaz contra as estirpes virais do H1N1 e a reserva terá custado ao Estado português mais de 22 milhões de euros estando ainda dentro do prazo de validade do fabricante.

Continuam entretanto a aterrar na Portela aviões com turistas que vieram do México, e sobretudo de Cancun, o que significa que a exemplo de outros países europeus, é altamente provável que entre estes turistas alguns possam trazer a infecção consigo. Uma equipa da DGS vai vistoriais esses turistas procurando no grupos sintomas compatíveis com o quadro clínico da “gripe suína”. É claro que não os encontrará se a infecção estiver ainda numa fase inicial, em que os sintomas só surgem apos dois ou três dias, quando já se encontram em casa ou nos seus lugares de trabalho.

O H1N1 NA INTERNET

NA Internet, a pandemia tem já ecos… Nos últimos dois dias foram registados quase duas centenas de domínios DNS com palavras relacionadas com “suínos” e “gripe”. Existem vários spams e até mensagens (como um da “Globo.com” que recebemos hoje) contendo malware e vírus que supostamente alertam para o vírus da gripe suína, mas que têm apenas como objetivo instalar programas maliciosos nos computadores dos mais crédulos, utilizando-os depois para disseminar vírus e spam (correio não solicitado).

PRIMEIRO CASO EM PORTUGAL CONFIRMADO

A 4 de maio confirmou-se o primeiro caso de infeção com o vírus da “gripe A” H1N1 em Portugal. O paciente é uma portuguesa de 32 anos que regressou de umas férias no México (numa zona onde ocorreram infecções) e a doente está atualmente em casa, de quarentena e todas as pessoas com quem contactou estão identificadas.

A confirmação foi feita pelo laboratório de referência londrino.

A paciente está a recuperar e não foi necessária a tomada dos medicamentos antivirais do stock do Estado.

ATENÇÃO AOS SINTOMAS

Um caso provável de infeção pelo vírus deve cumprir os seguintes sintomas:

1. Início súbito de temperatura superior a 38º

2. Sintomas de infecção respiratória aguda

3. presença num local onde se verificou no passado um surto da gripe A

Em caso de dúvidas ou da presença de sintomas, contactar:

808 24 24 24

Fontes:

http://dn.sapo.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1215723&seccao=EUA+e+Am%25EF%25BF%25BDricas

http://dn.sapo.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=1215736&seccao=Europa

http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Internacional/Interior.aspx?content_id=1215583 http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/audioevideo.aspx?content_id=1214698
http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1376956
http://dn.sapo.pt/inicio/ciencia/interior.aspx?content_id=1213723&seccao=Sa%25FAde
http://www.flightglobal.com/articles/2009/04/28/325718/swine-flu-leads-australia-to-get-strict-on-aircraft.html
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1214105
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1214130
http://www.voanews.com/english/2009-04-27-voa51.cfm?rss=topstories
http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377037 http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377132
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1214507 http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377223
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1214557 http://economia.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377213
http://www.voanews.com/english/2009-04-29-voa1.cfm?rss=topstories http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1215222
http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Internacional/Interior.aspx?content_id=1215059 http://www.voanews.com/english/2009-04-28-voa25.cfm?rss=topstories

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377398

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1377559&idCanal=62
http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1378416

About these ads
Categories: Ciência e Tecnologia, Política Internacional, Política Nacional, Portugal, Saúde | Tags: | 19 Comentários

Post navigation

19 thoughts on “H1N1: O vírus da “gripe suína” (gripe A): atualização

  1. Revoltado

    Caro Quintus,

    Há quem acredite que as epidemias que temos verificado não são acidentes naturais. Se procurarmos alguns depoimentos passados de senhores como o Kissinger, e artigos em revistas de propaganda como a The Economist avisando sobre uma epidemia iminente, não é difícil passar a desconfiar.
    Nada como uma catástrofe para fazer o povo engolir “medidas de emergência”.

  2. sim… as farmaceuticas estão já a ver subirem em flecha as suas cotações, por aí pode haver terreno para especulações.
    mas francamente, neste estádio, não creio nessa tese da conspiração (e acredito em muitas, como Roswell e o 11 de setembro). Este momento seria o pior para tal ação, em plena recessão mundial e justo agora quando começava a haver sinais de retoma…

  3. Lusitan1981

    Bem… o presidente da Gilead, que é a empresa detentora do Tamiflu, é o famoso Donald Rumsfeld.
    E sempre que aparece uma possível epidemia à escala mundial lá aparece o Tamiflu, cujas vendas durante o resto do ano são ridiculas.
    Eu não acredito em bruxas, mas…

  4. Rumsfeld?
    hum… sim, compreendo… se há criatura capaz de tudo para ganhar dinheiro, eis aí uma…

  5. O Ministério da Saúde conta com uma página exclusiva (http://portal.saude.gov.br/portal/saude/profissional/area.cfm?id_area=1534) na qual você encontrará respostas para todas as suas dúvidas a respeito da gripe suína. Além disso, você pode buscar mais informações no Disk Saúde 0800 61 1997. O Brasil está preparado para enfrentar os casos suspeitos e manterá a população bem informada!

    Assessoria de Comunicação.

    Ministério da Saúde

  6. É parte da “Teoria da Conspiração “, pois é mt assustador se isso está ocorrendo, o fitiço pode virar contra o feiticeiro…já tem gente doente dentro do seu próprio país….me lembra o filme “Travessia p/ Cassandra “.

  7. “As reservas de antivirais portuguesas são de Oseltamivir”

    Destinadas às elites indispensáveis? Os tais 100000…

  8. claro! ainda que haja 2,5 milhões de doses, a politicagem, a filharada toda dos Sampaios e Cavacos estaria logo na linha da frente dos “elementos vitais à sobrevivência do Estado”, naturalmente…

  9. Revoltado

    Caro Clavis,

    Continuo a me informar acerca do assunto. A verdade parece ser mais complicada, mas ainda é cedo para poder afirmar alguma coisa com certeza.
    Segundo tudo o que tenho lido, e em grande parte a minha fonte foi o Alex Jones, esta gripe é causada por um agente que, explicando de maneira pouco explicíta, se não fosse artificial, pareceria ser uma confirmação da teoria do desenho inteligente. Não parece ter sido obra do acaso…
    Mas a mortalidade do “bicho” parece estar a ser exagerada. Há fontes que apontam para “somente” sete mortes no México e uma nos EUA.
    Eu ainda não posso confirmar isso, mas se for verdade significa que, apesar da retórica, os governos estão a incentivar o alarmismo. Se isso for verdade, fica bem patente a utilização de uma técnica dialéctica para criar um facto consumado na política.
    Tendo em conta algumas coisas que tem vindo a ser reveladas nos EUA, como os “adendos” ao Patriot Act pelo Obama e a aceleração da construção dos FEMA Camps, é bom que fiquem todos alertas.
    Mas como já disse, isso é só uma especulação baseada em toda a informação ainda disponível, que é bastante incompleta.

    Um abraço.

  10. Tenho de ver se faço um post sobre isso.

    E o generico Symmetrel (amantadine) é mesmo igual ao Tamiflu?

  11. não creio:
    http://ms.about.com/od/treatments/a/symmetrel.htm
    é composto da amantadine:
    “Amantadine is the organic compound known formally as 1-aminoadamantane. The molecule consists of adamantane backbone that is substituted at one of the four methyne positions with an amino group. This compound is sold under the name “Symmetrel,” for use both as an antiviral and an antiparkinsonian drug.”
    http://en.wikipedia.org/wiki/Amantadine

    enquanto que o Tamiflu:
    http://www.tamiflu.com/

    se baseia por sua vez no
    “O oseltamivir é considerado uma pró-droga, ou seja, ela é biotransformada dentro do organismo em outra substância para exercer seu efeito terapêutico. A principal característica de seu modo de ação é inibição seletiva de neuraminidases, glicoproteínas de liberação dos vírions.[2] O medicamento não impede a contaminação com o vírus e é usado no tratamento da infecção.”
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Oseltamivir

    dois compostos ativos completamente diferentes, portanto.

    a este propósito, uma limitação meio desconhecida da ação do Tamilfu: as 48 horas:
    ” When you or someone in your family begins to experience flu symptoms, you have 48 hours to take action. Trust TAMIFLU, the number-one prescribed antiviral flu medicine*:
    * For flu treatment: When taken within two days of experiencing symptoms, TAMIFLU works by helping to stop the flu virus from spreading inside the body
    * For flu prevention: When you have been exposed to someone with the flu, taking TAMIFLU can help keep the virus from making you sick”
    http://www.tamiflu.com/

  12. A gripe é suína… Mas já alguém ouviu falar da morte ou abate de suínos? Restrições à importação?
    Já morreu um unico porco?

    Um especialista afirmou que o virus ataca especialmente pessoas jovens e saudáveis… Isto não é estranho?

  13. sim, o termo é altamente incorreto, ainda que popular, razão pela qual o uso – com reservas -…
    e sim, essa é aqui a grande singularidade!
    que dá força aos defensores da tese do “produto fabricado em laboratório” (soldados > alvos de uma arma biológica > jovens)

  14. sim não sabemos que tipo de doença estamos lidando ser ela não vem da carne de porco sera que essa gripe suina ela não vem de cordo com tempo e local essa doença ser adpitou talves nun lugar aonde carne estava tipo nun que contem radiação quimico e por isso teve alteração eu acho que foi que aconteceu
    talvez foi dair que ela surgiu e air foi que aconteceu acabou ser espalhando para o mundo todo deve isso
    aconteceu talvez foi nas fabrica de carne que isso aconteceu e talves no lugar estava comtaminado acho que foi isso que aconteceu !!!!!e saber nome que todo mundo estar tendando dar par essa gripe eu nome idela tinha que ser (gripsuí) esse o nome que tem tudo aver com a gripe suína.!!!!!

  15. de aonde será que sugiu a gripe suina!

  16. Lusitan1981

    Calma!!! Nada de pânico!!!
    Um vírus tem um processo de replicação muito simples e que está sujeito a muitos “erros de cópia”, o que leva a que esteja sujeito a uma maior probabilidade de mutação. Por esse facto é que é tão dificil combater a gripe (qualquer uma e não só a suína).
    Os vírus podem ter vários vectores de transmissão, sendo que na gripe (dependendo da estirpe) os principais vectores são as aves, os suínos e os humanos. Normalmente nos suínos o vírus não se manifesta, daí que não se veja aí porcos a cair pró lado em cada esquina.
    O problema é que neste caso o vírus da gripe suína sofreu uma mutação e adquiriu material genético humano, o que aumentou a sua viriolisidade. (antes que comecem a especular e a falar em teorias da conspiração… isto é algo comum)
    Quanto ao facto do vírus atacar só gente saudável e jovem… acho que ainda é algo prematuro afirmar isso uma vez que ainda não há assim tantos casos e os casos que ocorreram fora do México são de turistas, que normalmente são jovens e saudáveis.
    O que eu quero é que pensem em quantas pessoas morreram de virus da gripe normal este ano e que comparem com este surto de gripe “suína”. A mim parece-me que tal como no caso da gripe das aves os media americanos deliberadamente “inflacionaram” um pequeno surto de gripe para fazer aumentar a cotação na bolsa de uma empresa farmacêutica que tem como presidente um dos homens mais influentes dos Estados Unidos da América.

  17. bem, de certa forma isso também é uma “teoria da conspiração”… reforçada por muito exagero dos media e pelos sempre turvos interesses das multinacionais do ramo farmacêutico.

  18. Michelly Cavalcante

    Não se preocupe so tomar todos os cuidados presisos para não pegar a doença ok.

  19. nunca chegarão… se ela estiver por aí o tempo suficiente (e estará) todos a apanharemos.
    mas atenção: não é nem de perto tão má como a querem vender…

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Create a free website or blog at WordPress.com. The Adventure Journal Theme.

Operadores Marítimo-Turísticos de Cascais

Actividade dos Operadores Marítimo Turísticos de Cascais

MaisLisboa.org

Núcleo MaisDemocracia.org na Área Metropolitana de Lisboa

DIRECT e-DEMOCRACY NOMOCRACY & EQUALITY LAWS..! THE RULE OF LAW

Are we going to allow chinese dictators to own the whole planet?

looking beyond borders

Looking at foreign policy differently

O Futuro é a Liberdade

Discussões sobre Software Livre e Sociedade

Parece piada... fatos incríveis, estórias bizarras e outros micos

Tem cada coisa neste mundo... e todo dia surge uma nova!

O Vigia

O blog retrata os meus pensamentos do dia a dia e as minhas paixões, o FLOSS, a política especialmente a dos EUA, casos mal explicados, a fotografia e a cultura Japonesa e leitura, muita leitura sobre tudo um pouco, mas a maior paixão é mesmo divulgação científica, textos antigos e os tais casos ;)

A Educação do meu Umbigo

Gaveta aberta de textos e memórias a pretexto da Educação que vamos tendo. Este blogue discorda ortograficamente. Contacto: guinote@gmail.com

Promocão e difusão da língua portuguesa

Blogvisão

"Qualidade de informação para qualidade de opinião!"

geoeconomia

Just another WordPress.com site

Egídio G. Vaz Raposo

Media Scholar | Communication Consultant | Trainer

Mudar as coisas...

vivemos no presente, e é nele que devemos mudar. mudarmo-nos é condição necessária para mudar as coisas…

Um Jardim no Deserto

Um minúsculo oásis no imenso deserto físico, mental e espiritual em que se está a transformar Portugal

Extraterrestres ARQUIVO

Seja bem vindo ao Site Extraterrestres Arquivo - Volte Sempre

Muralha Verde SCP

Em prol da defesa e do ataque do Sporting!

Pitacos De Um Torcedor Corinthiano

Louco por ti Corinthians!

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

Junte-se a 4.725 outros seguidores

%d bloggers like this: